Ninguém estava preparado para essa mudança de vida. Contatos, conversas e até o trabalho, agora só via internet. A tecnologia ajuda muito quem pode ficar em casa. E também é uma das aliadas da saúde e da forma com que os profissionais de saúde têm atendido seus pacientes.

É pensando nisso que o Governo de Minas lança o Saúde Digital MG – Covid 19, plataforma para auxiliar os cidadãos a realizarem uma autoavaliação de saúde com foco no Coronavírus, oferecendo um direcionamento para o acesso à saúde do Estado. O aplicativo é baseado em telemedicina, ferramenta rápida e conveniente de acesso a médicos, enfermeiros e psicólogos para atendimento à população.

Por meio do Saúde Digital MG – Covid 19, cada consulta médica será oferecida no conforto de casa e sem espera em clínicas médicas e hospitais. O serviço oferece orientação médica para evitar idas desnecessárias aos hospitais, bem como acompanhamento de pacientes habituais ou até de quarentena.

banner 1

Após preencher um formulário de autoavaliação do seu estado de saúde, o usuário será direcionado para uma teleconsulta inicial com médico, de acordo com seu estado de saúde. Cada paciente registrado tem também a possibilidade de vincular outros familiares e pessoas que não têm um celular ou dispositivo com acesso à internet, como crianças e idosos. 

De acordo com a especificidade de cada paciente, a triagem pode sugerir que ele realize uma primeira consulta virtual com um médico, que fará uma avaliação de seu quadro. Essa consulta será agendada e o paciente será notificado por e-mail, SMS e pelo próprio aplicativo com 10 minutos de antecedência.

Após a realização da teleconsulta e a avaliação do médico, os pacientes poderão ser acompanhados por enfermeiros e psicólogos que darão sequência no atendimento. Caso seja necessária a emissão de atestados médicos, prescrições médicas ou pedidos de exames, o "Saúde Digital MG - Covid19" disponibilizará estes documentos no próprio aplicativo, ou por e-mail. No caso de prescrição de medicamentos, o usuário poderá imprimir a receita com a assinatura do médico para direcionar-se até a farmácia de sua preferência - ou simplesmente mostrar o e-mail com o documento recebido em PDF.

FIQUE LIGADO(A): antes de iniciar a teleconsulta, é necessário que o paciente esteja em um lugar iluminado, com acesso à internet estável e a lista de medicamentos de uso contínuo em mãos. Como o profissional de saúde é o responsável por iniciar a consulta no aplicativo, sugerimos que o paciente esteja online e logado na plataforma com 5 minutos de antecedência.

Assista ao passo a passo para instalação e navegação no app Saúde Digital MG - Covid19