Viva saudavelmente. Saúde no pensar, sentir e agir. Uma relação que é construída por meio da harmonia entre os indivíduos, os ambientes e os modos de viver. Esta é a proposta da campanha #VidaSaudável, um espaço criado no site da Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) para que cidadãs e cidadãos possam ter acesso às informações relacionadas à promoção da saúde e ao bem estar. 

Dentro do Sistema Único de Saúde (SUS), a promoção da saúde tem como finalidade contribuir para a melhoria da qualidade de vida, através de políticas públicas que visem o empoderamento das pessoas de forma a produzir a sua saúde. Isso se dá por meio de estratégias de articulações transversais tanto individuais quanto coletivas e ambientais, atuando sobre os fatores que interferem no modo de vida da população. Neste site você vai encontrar também:

» Clique aqui e confira dicas para ter uma alimentação saudável.

» Clique aqui e confira dicas para a prática de atividade física.

» Clique aqui e confira dicas para se livrar do tabagismo.

Durante todo o mês de maio será realizado o Monitoramento do Programa Academia da Saúde 2017. O objetivo é levantar a situação geral de implantação e implementação do programa em todo o Brasil. O Monitoramento é realizado apenas uma vez ao ano, por isso é muito importante que nenhum município fique de fora!

Todos os municípios habilitados ao Programa Academia da Saúde devem participar por meio do preenchimento do formulário online do Formsus. Clique aqui e confira a lista dos municípios mineiros que devem participar do monitoramento.

Fique ligado! O prazo para o preenchimento do formulário online é de 1º a 31 de maio de 2017. Os links para acesso e preenchimento dos formulários somente estarão ativos durante o período mencionado acima. Não haverá prorrogação do prazo. Leia as orientações abaixo e garanta que a sua Secretaria Municipal de Saúde realize o preenchimento correto das informações.

Formulário da Gestão Municipal
• Todos os municípios habilitados ao Programa, independente da situação do Polo (obra não iniciada, obra parada, em construção, em funcionamento, polos similares) devem responder.
• Cada município deve preencher apenas um formulário, independente do número de polos do Programa no município.
Clique aqui e confira o Formulário da Gestão Municipal.

Formulário de Polos em Funcionamento
Deverão preencher esse formulário apenas os municípios que possuem polos em funcionamento, sendo um formulário para cada polo em funcionamento. Por exemplo: se o seu município possui 3 polos em funcionamento, devem ser respondidos 3 formulários de polos em funcionamento. Se o seu município não possui ainda polo em funcionamento, não é necessário preencher esse formulário. Clique aqui e acesse o formulário de Pólos em Funcionamento.

Atenção! Antes de preencher os formulários é importante ler, atentamente, o Guia de Orientações para SMS. Em caso de dúvidas, com relação ao Monitoramento do Programa Academia da Saúde entre em contato com o ponto focal na sua Regional de Saúde ou com a equipe de Promoção da Saúde no nível central. Clique aqui e confira os contatos disponibilizados nas Regionais e no Nível Central. 

Em 2006, o Ministério da Saúde publicou a Política Nacional de Promoção da Saúde – PNPS (PORTARIA Nº 2.446, DE 11 DE NOVEMBRO DE 2014). No Estado de Minas Gerais, em 2016, a Secretaria de Estado de Saúde construiu a Política Estadual de Promoção da Saúde – POEPS (DELIBERAÇÃO CIB-SUS/MG Nº 2.341, DE 19 DE ABRIL DE 2016), agregando a PNPS as necessidades e prioridades do Estado.

» Nota Técnica Nº 09/2016 - SES/SUBPAS/SAPS/DPS
Assunto: Alterações no indicador 2 da Resolução SES/MG nº 5250, de 19 de Abril de 2016.

» Nota Técnica Conjunta nº 001/2017 - SES/SUBPAS/SAPS/SAF
Assunto: Fluxo de distribuição, armazenamento, administração e registro do sachê de micronutrientes em pó (NutriSUS).

No dia 07 de abril é comemorado o Dia Mundial da Saúde, data criada em 1948 pela Assembleia Mundial da Saúde, e que tem como objetivo conscientizar a população a respeito da qualidade de vida e dos diferentes fatores que afetam a saúde populacional.

Por sua vez, o Dia Mundial da Atividade Física, 06 de abril, foi criado pela Organização Mundial da Saúde (OMS), com o intuito de promover uma grande mobilização mundial para a reflexão e a realização de ações a favor da adoção de estilos de vida mais ativos, buscando uma melhor condição de saúde, bem-estar e qualidade de vida das populações em todo o mundo.

O Ministério da Saúde, desde 2008, incentiva Estados e Municípios a realizar atividades nos dias 06 e 07 de abril por meio de campanhas com tema diretamente relacionado à saúde. Em 2017, a OMS sugere como tema para o Dia Mundial da Saúde uma campanha sobre depressão, condição que pode afetar pessoas de qualquer idade e em qualquer etapa da vida. Para saber mais, clique aqui.

» SUS oferece atendimento a mulheres que sofrem depressão.

» Clique aqui e confira no Blog da Saúde MG uma entrevista sobre depressão feminina

Materiais para download

» Cartaz A3
» Cartaz A4

» Ajude-nos nesta campanha! Clique na galeria abaixo, salve as imagens e compartilhe nas redes sociais:

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) realizou, no dia 26 de abril, no Plenário da Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, um web seminário sobre hábitos saudáveis para a promoção da saúde no Sistema Único de Saúde (SUS) com a finalidade discutir a importância da prática regular de atividade física e a prevenção da depressão e seus agravos. Confira os vídeos na íntegra, abaixo:

Em comemoração ao Dia Mundial da Atividade Física em conjunto com o Dia Mundial da Saúde, a Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), em 2017, propõe a discussão sobre os benefícios da atividade física para a promoção da saúde física e mental. Tal proposta é baseada em estudos que evidenciam que a atividade física regular e de intensidade moderada contribui para a manutenção e recuperação da saúde geral e está positivamente associada à saúde mental e social.

A oferta de ações de atividade física deve ocorrer de forma regular em serviços diversos e juntamente a outras modalidades de atendimento, não apenas com visão recreativa, mas também considerando seu potencial terapêutico, além de explicitar a necessidade de que ela seja adequadamente planejada, executada, controlada e avaliada por profissional capacitado para garantir a efetividade da intervenção.

É necessária a constituição de uma equipe multidisciplinar que inclua outros profissionais, como fisioterapeutas e educadores físicos, sendo notórios os benefícios resultantes. Dessa forma, é possível oferecer ao indivíduo uma assistência integral e avançar no objetivo de garantir qualidade de vida e atenuação de sintomas das condições mentais por meio da prática regular da atividade física. Nesse contexto, a atividade física deve ser entendida como qualquer movimento corporal que resulte em gasto energético maior que os níveis de repouso.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda que os indivíduos adotem níveis adequados de atividade física ao longo de toda a vida. O ideal é que todo mundo realize pelo menos 150 minutos por semana de atividade moderada ou 75 minutos por semana de atividade física vigorosa, de forma contínua ou acumulada em sessões de pelo menos 10 minutos de duração para a manutenção da saúde e qualidade de vida.

Ações como subir dois ou mais andares de escada, realizar deslocamentos caminhando para visitar os amigos, participar de atividades lúdicas, utilizar bicicleta para o trajeto até a padaria, dentre outros, são alternativas de atividade física e contribuem para o indivíduo manter-se ativo. Os momentos de lazer também podem ser utilizados para a prática de atividades físicas, por exemplo: jogar bola, andar de bicicleta ou praticar algum esporte.

No ambiente de trabalho, além da ginástica laboral, outras atividades podem ser realizadas para manter-se ativo, tais como: subir e descer escadas em vez de utilizar o elevador, ir ou voltar do trabalho caminhando ou andando de bicicleta, dentre outros.

» Movimente-se! Ouça nossa sugestão de playlist para tornar sua atividade física mais prazerosa:

A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG) entende a promoção da saúde no Sistema Único de Saúde (SUS) como uma “estratégia de articulação transversal na qual um conjunto de intervenções individuais, coletivas e ambientais, de responsabilidades intersetoriais. São responsáveis por atuar sobre os determinantes sociais da saúde e dessa forma reduzir a vulnerabilidade e as desigualdades sociais e empoderar indivíduos e comunidades para serem ativos sobre a produção da sua saúde”.

Nesse sentido, promoção da saúde física e mental é o processo que permite capacitar as pessoas a melhorar e a aumentar o controle sobre sua saúde, por meio da valorização dos fatores de proteção da saúde, levando à adoção de medidas que não se dirigem a uma determinada condição, mas servem para aumentar a saúde e o bem estar geral. Enfatiza a transformação das condições de vida e de trabalho, demandando uma abordagem intersetorial.

Para os efeitos da Saúde Mental como um todo, é necessário investir em ações de Promoção e de Prevenção como (OMS, 2004):

  • Melhora do estado nutricional, que permite desenvolvimento cognitivo saudável, melhoria dos resultados escolares e redução do risco de doenças mentais;
  • Melhora das condições habitacionais, que impacta diretamente na saúde física e mental;
  • Melhora nas condições de acessibilidade à educação, que propiciam proteção contra as doenças mentais por meio da melhoria das competências sociais, intelectuais e emocionais;
  • Redução da insegurança econômica, que pode prevenir o estresse e, consequentemente, proporcionar uma melhor saúde mental e social;
  • Reforço dos laços sociais, que por meio do envolvimento de vários elementos do sistema podem levar indivíduos e grupos à tomada de consciência para alcançar seus objetivos, sobretudo quando com os vínculos familiares fortalecidos;
  • Redução dos danos causados por substâncias psicoativas, que levam à prevenção das perturbações por abuso e consequentemente a outras perturbações mentais;
  • Expansão da oferta das ações de atividade física de forma regular em diversas modalidades de serviços e atendimentos, tendo em vista seu potencial terapêutico e não apenas recreativo.

  • Incentive o consumo de alimentos naturais, tais como frutas, verduras, legumes, arroz, feijão, ovos, carnes e peixes; e evite o consumo de alimentos ultra processados, como biscoitos recheados, refrigerantes, “salgadinhos de pacote”, “macarrão instantâneo”, embutidos e produtos congelados e prontos para aquecimento.
  • Utilize óleos, gorduras, sal e açúcar em pequenas quantidades ao temperar e cozinhar alimentos.
  • Incentive a prática de atividades físicas, superando o sedentarismo. As crianças têm passado muito tempo em frente à TV ou a equipamentos eletrônicos. Resgate brincadeiras em grupo, em família e ao ar livre.
  • Além de adquirir uma alimentação saudável e a prática regular de atividade física, que tal propor ambientes mais harmônicos na sua casa, escola ou trabalho? Isso pode ajudar a diminuir a ansiedade e o estresse.
  • A ansiedade pode estimular as pessoas a comerem mais. Relaxe, medite, respire, organize-se e curta mais a vida.
  • Esteja atento a sua saúde! Fatores hormonais, como excesso de insulina, deficiência do hormônio de crescimento, excesso de hidrocortisona, estrógenos; podem levar ao aumento de peso.

06.04 - Dia Mundial da Atividade Física
07.04 - Dia Mundial da Saúde
01.05 - Dia Internacional do Trabalhador
19.05 - Dia Internacional de Doação do Leite Humano
31.05 - Dia Mundial sem Tabaco
29.08 - Dia Nacional de Combate ao Fumo
11.10 - Dia Nacional de Prevenção da Obesidade
16.10 - Dia Mundial da Alimentação
25.10 - Dia Nacional da Saúde Bucal
14.11 - Dia Mundial do Diabetes
03.12 - Dia Mundial de Combate ao Uso do Agrotóxico
10.12 - Dia dos Direitos Humanos